AVISO

É expressamente proibida a cópia ou reprodução em parte ou na totalidade do conteúdo deste blog, sem prévia autorização, estando reservados os direitos de Autor.

Para utilização de qualquer poema, é favor contactar a Sociedade Portuguesa de Autores, através do email: atendimento@spautores.ptatendimento@spautores.pt.

A Autora,

Isabel Mendes (Isamar)

sexta-feira, 1 de novembro de 2013

NÃO DEU CERTO

(imagem retirada da internet)

Um dia disseste-me que eu era o teu sal
A tua musa, o teu caminho
Disseste que a solidão não fazia sentido
Porque com o meu amor, nunca te sentias sozinho.

Chegaste a pintar-me numa tela.
A dizer-me como era bela
A calmaria no meu olhar.
A nossa conversa fluía naturalmente
O riso estava sempre presente
Mas o coração parecia querer outro lugar.

O mapa pelo qual nos quisemos reger
Acabou por ficar elegível
O amor acabou por não vencer

E o sonho, para já, não foi possível.


AUTORIA: Isabel Maria T. Mendes

Sem comentários:

Enviar um comentário